A dança da alegria

A dança da alegria - CA Ribeiro Neto

sábado, 19 de março de 2011

Versos de uma noite

A semana já estava fadada a não ter postagem, quando um grupo de amigos escritores salvaram este blog. Num bar chamado Dona Chica, na Av. da Universidade, entre cervejas e caipirinhas, ao som de sambas e mais sambas, fizemos estes dois poemas que apresento-lhes agora; um feito por mim, Zé Neto, Thiago César e Divino (título) e outro feito pela Tainan Fernandes (o que realmente prestou disso tudo).


Em

Se você soubesse
o que acontece
nos quartos de  quem anoitece,
nos quartos de quem padece,
saberia que a mente não obedece
o que uma noite interfere,
saberia que eu no quarto 'encandesce'.
Não duvide que outro sua vida entristece.


CA Ribeiro Neto; Zé Neto; Thiago César; Divino

--#--

Se o beijo acontecesse
Se a vontade se firmasse
Se o desejo aparecesse
E se o amor se abismasse

Teria tudo acontecido
ou haveria tudo sumido
no embalo do sopro do vento do desejo?

Aconteceria o mesmo que o real cortejo?
Do bem-querer, o famoso estampido?
O 'nós dóis' haveria o tempo de ter querido?



Tainan Fernandes

------------------------------------------------------------------

LENDO NO MOMENTO: Luzia-Homem - Domingos Olímpio - Pg. 20 / Um livro da Flora Figueiredo que eu não lembro o título, nem a página, mas eu juro que está muito bom! [já li 6 livros nesse ano!]

ESCUTANDO NO MOMENTO: Argumento - Paulinho da Viola


Boa Sorte

6 comentários:

Thiago César disse...

hahai, essa noite foi boa!
postei no meu blog o outro poema q eu fiz naquela ocasião...
eh nois!

A moça da flor disse...

eis que tu escreves sobre a noite e eu sobre a madrugada!
haeuhuaeh
diabé isso mahh
agora tamo fadados a escrever sempre sobre assuntos irmãos??
ahueahuaauaehu
noites assim são mesmo boas!(ainda mais com um pessoal que sei que é gente boníssima)

Tainan Fernandes disse...

eiii! heuheuehuehue
O final é:
"Do bem-querer, o famoso estampido?
O 'nós dóis' haveria o tempo de ter querido?"
Olha eu no teu blog! uheiheuehiuehieuhieue
:*

Zeto disse...

Massa rara!!!

lucas lima disse...

meus aplausos de pé, ai quando a minha maior idade chagara, e conseguirei, ir para essas surubas poéticas

Musa disse...

Massa os dois poemas. Vcs deveriam se reunir mais para tomar caipirinhas... rsrs Aliás acho que qualquer dia destes eu que vou aparecer aí pra tomar essas caipirinhas, pra ver se eu me inspiro.

Saudades, carlinhos!!!

Fau Ferreira